Apple Watch

Veja o vídeo e aprenda sobre este novo tipo de aparelho: o design, as funções, e muito mais. Apple Watch

Google vende Motorola Mobility para a chinesa Lenovo por 2.91 Bilhões de Dólares

Postado por: Tecnologia Brasil - 11:24

Acabou de ser confirmado pela imprensa americana que o Google vendeu a Motorola, que eles adquiriram por 12.5 Bilhões de Dólares em 2011, para a empresa Lenovo, que é Chinesa. O valor da venda é de 2.91 Bilhões de Dólares.Eu particularmente acredito que isso só fortalece a linha Nexus, e que as patentes que o Google adquiriu com a compra em 2011 irá beneficiar a empresa. O Google ultimamente adquiriu a empresa de robótica Boston Dynamics, e a empresa de inteligência artificial DeepMind Technologies. Também adquiriu a empresa fabricante de dispositivos de automação residencial Nest. Isso demonstra que o Google está se diversificando. Um exemplo dessa diversificação é a tentativa de criar carros que dirigem automaticamente sem intervenção de um motorista humano.

Sobre a questão de celulares, acredito que o Google continuará a selecionar marcas de celular para fabricar a linha Nexus, como já fez com a HTC, Samsung, e LG. Uma outra alternativa é que a empresa poderá expandir o programa "Google Play Edition", que vende celulares como o Samsung Galaxy S4 e HTC One sem os programas da Samsung ou HTC, optando por colocar o Android puro como já faz na linha Nexus nesses aparelhos.

Por isso eu não analisei o Motorola G e o Motorola X, já que desde a aquisição da empresa em 2011, li relatórios financeiros mostrando que a Motorola estava perdendo muito dinheiro. Essa venda era inevitável e por isso os aparelhos não receberão suporte por muito tempo, entretanto tendo dito isso, o Motorola G tem um valor excelente e eu recomendaria a compra, pois irá durar por pelo menos 24 meses.


Sobre a questão de celulares, acredito que o Google continuará a selecionar marcas de celular para fabricar a linha Nexus, como já fez com a HTC, Samsung, e LG. Uma outra alternativa é que a empresa poderá expandir o programa "Google Play Edition", que vende celulares como o Samsung Galaxy S4 e HTC One sem os programas da Samsung ou HTC, optando por colocar o Android puro como já faz na linha Nexus nesses aparelhos.


Por isso eu não analisei o Motorola G e o Motorola X, já que desde a aquisição da empresa em 2011, li relatórios financeiros mostrando que a Motorola estava perdendo muito dinheiro. Essa venda era inevitável e por isso os aparelhos não receberão suporte por muito tempo, entretanto tendo dito isso, o Motorola G tem um valor excelente e eu recomendaria a compra, pois irá durar por pelo menos 24 meses.


Sobre a questão de celulares, acredito que o Google continuará a selecionar marcas de celular para fabricar a linha Nexus, como já fez com a HTC, Samsung, e LG. Uma outra alternativa é que a empresa poderá expandir o programa "Google Play Edition", que vende celulares como o Samsung Galaxy S4 e HTC One sem os programas da Samsung ou HTC, optando por colocar o Android puro como já faz na linha Nexus nesses aparelhos.


Por isso eu não analisei o Motorola G e o Motorola X, já que desde a aquisição da empresa em 2011, li relatórios financeiros mostrando que a Motorola estava perdendo muito dinheiro. Essa venda era inevitável e por isso os aparelhos não receberão suporte por muito tempo, entretanto tendo dito isso, o Motorola G tem um valor excelente e eu recomendaria a compra, pois irá durar por pelo menos 24 meses.


Sobre a questão de celulares, acredito que o Google continuará a selecionar marcas de celular para fabricar a linha Nexus, como já fez com a HTC, Samsung, e LG. Uma outra alternativa é que a empresa poderá expandir o programa "Google Play Edition", que vende celulares como o Samsung Galaxy S4 e HTC One sem os programas da Samsung ou HTC, optando por colocar o Android puro como já faz na linha Nexus nesses aparelhos.


Por isso eu não analisei o Motorola G e o Motorola X, já que desde a aquisição da empresa em 2011, li relatórios financeiros mostrando que a Motorola estava perdendo muito dinheiro. Essa venda era inevitável e por isso os aparelhos não receberão suporte por muito tempo, entretanto tendo dito isso, o Motorola G tem um valor excelente e eu recomendaria a compra, pois irá durar por pelo menos 24 meses.


Sobre a questão de celulares, acredito que o Google continuará a selecionar marcas de celular para fabricar a linha Nexus, como já fez com a HTC, Samsung, e LG. Uma outra alternativa é que a empresa poderá expandir o programa "Google Play Edition", que vende celulares como o Samsung Galaxy S4 e HTC One sem os programas da Samsung ou HTC, optando por colocar o Android puro como já faz na linha Nexus nesses aparelhos.


Por isso eu não analisei o Motorola G e o Motorola X, já que desde a aquisição da empresa em 2011, li relatórios financeiros mostrando que a Motorola estava perdendo muito dinheiro. Essa venda era inevitável e por isso os aparelhos não receberão suporte por muito tempo, entretanto tendo dito isso, o Motorola G tem um valor excelente e eu recomendaria a compra, pois irá durar por pelo menos 24 meses.


A Motorola é uma das empresas mais velhas dos EUA em questão de tecnologias móveis, portanto o portfolio de patentes deles deve possuir bastante coisa boa. Um bom exemplo é o "touchless control", o comando de voz que funciona muito bem de acordo com sites estrangeiros.


Analistas deram um valor de 5.5 Bilhões às patentes, portanto o Google pagou 12.5 - 5.5 = 7.5, tirando os 2.91 = 4.59 Bilhões de Dólares. A compra da Motorola também havia incluído a divisão de aparelhos decodificadores de TV à cabo, que o Google vendeu por 2.35 Bilhões.


O negócio custou para o Google somente 2.24 Bilhões olhando por esse lado, mas é claro que eles tiveram prejuízos de milhões desde 2011, então isso entra na conta também, porém especulam que pelo sistema de impostos de renda dos EUA, empresas que estão falindo ganham subsídios do governo ou não pagam nada, por isso o Google estava segurando a venda, e o que perdeu com o prejuízo, deve ter ganhado por outro lado com menos tributação. 8.000 patentes é um número excelente, visto que a Lenovo leva só 2.000 e ambas as empresas assinaram um acordo para usufruírem das patentes que cada uma é dona.


Com 8 mil patentes, tenho certeza que haverá material suficiente para melhorar o Android como um todo, e isso todos os fabricantes que usam Android poderão tirar proveito já que as funções serão um padrão do sistema. Enquanto o Google compra empresas de robótica e inteligência artificial e diversifica o negócio (algo que é recomendável na teoria de administração de empresas), ele está fortalecendo seu espaço no mundo da tecnologia.

Copyright © 2013 Tecnologia™ todos os direitos reservados, cópia não autorizada sem autorização.

Designed by Templateism. Hosted on Blogger Platform.